• Paraíso17

Jean Carlos ainda não fez cirurgias e data segue indefinida, diz diretor do HR

Na manhã desta segunda-feira (23), foi levado para o Cassems para realizar mais uma tomografia
Luis Gustavo, Da Redação / Imagens: Luis Gustavo/Jornal da Nova
23/04/2018 14h24
Na manhã desta segunda-feira-feira (23), Jean passou por mais uma tomografia no Hospital Cassems, devido o HR não possuir aparelho / Imagens: Luis Gustavo/Jornal da Nova

O motociclista Jean Carlos de 23 anos, vítima de um grave acidente ocorrido no último dia (15), passou por uma tomografia nesta manhã de segunda-feira (23) e aguarda cirurgia.

 

|Leia também

| Após passar por exames em Dourados, jovem retornará para Nova Andradina para cirurgias

Vítima de grave acidente é transferida para Hospital da Vida em Dourados

Colisão entre motos deixa motociclista em estado gravíssimo em Nova Andradina

 

Jean já havia passado por avaliação médica com especialista na área neurológica em Dourados e não apresentou anormalidade cerebral. Após os exames, ele segue na UTI (Unidade Terapia Intensiva) do Hospital Regional de Nova Andradina, embora a tomografia tenha sido realizada no Hospital Cassems.

 

Segundo o diretor do HR, Nelson Custódio, Jean está com fraturas em uma das pernas, braço e pé e não há previsão para a cirurgia, uma vez que será um procedimento demorado, cerca de quatro horas, e devido a um hematoma na testa, é necessário cautela, por causa da anestesia geral que será aplicada. O rapaz está estável e consciente.

 

Acidente

Na noite deste domingo (15), no bairro Centro Educacional, uma colisão entre duas motocicletas deixou duas pessoas feridas, entre elas, Jean Carlos em estado gravíssimo.

Jovem parou debaixo da carreta - Foto: Jornal da Nova

O motociclista de uma Honda/CG Titan 150, seguia pela rua Johann Gill, sentido bairro/centro, quando ao cruzar a avenida José Heitor de Almeida Camargo, acabou colidindo com a moto Yamaha/R3, ocupada por Jean que trafegava no sentido centro/bairro.

 

Do violento impacto resultou em ferimentos a ambos os condutores, sendo que o Jean parou debaixo de uma carreta que estava estacionada na via e ficou em estado gravíssimo, com escoriações corpóreas e suspeita de múltiplas fraturas. Sua moto ficou presa atrás da carreta. O condutor da Titan 150 sofreu ferimentos na mão esquerda, perna e escoriações pelo corpo.

 

Vítimas foram socorridas pelos Bombeiros até ao Hospital Regional.



Comunicar erro




VEJA MAIS